Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Se a Vida te dá limões...

Rotinas, Organização, Dicas e Desabafos. Uma vida igual a muitas outras!

Uma semana sem...

Ana Gomes
08
Nov22

Uma semana sem telemóvel! 

Sim passei uma semana sem telemóvel, sem poder ligar para ninguém, sem receber chamadas de ninguém! 

Perguntam se perdi o telemóvel? Não felizmente não o perdi deixei-o mesmo a carregar na casa da aldeia. Calma... não se stressem pedi a um vizinho que tem chave para lá ir desligar o carregador da tomada. 

Se podia ter ido buscar quando me lembrei? Podia mas não fazia sentido para mim voltar para trás quando já tinha realizado metade da viagem de regresso. 

Se me faz falta o raio do bicho? Faz mais do que imaginamos... é como a falta do casaco no inverno ou os oculos de sol no verão. Pode ser somente um acessório, mas é um acessório indispensável para o nosso quotidiano. 

O primeiro dia sem telemóvel até correu bem mas no segundo a coisa começava a manifestar-se! Eu que sou mãe, sou a encarregada de educação do meus filhos, que sou eu o contacto principal deles para tudo e mais alguma coisa uma semana sem telemóvel estava a levar-me à loucura! 

Avisei os pequenos que se fosse para ligar teriam que faze-lo para o pai. Avisei a minha mãe que estava sem telefone e os irmãos. 

Uma semana sossegada sem telefones, sem que ninguém me chateie, sem a empregada a ligar-me porque quer isto e vai por não sei o quê ali e acolá... que depois eu chego e arrumo na despensa e não volta a sair. 

Mas ficar sem telemóvel deu cabo de mim, senti-me a ressacar de passar o dia a ver redes sociais... de jogar os meus joguinhos de porcaria. O que fiz então? Vi séries e séries e mais séries que é para ver se não dava em doida de vez! 

Já viram ter de usar o telemovel de um dos filhos para levar o outro para o treino e ter um meio de comunicação se fosse preciso alguma coisa. 

Sou sincera deviamos de vez em quando fazer uma desintoxicação dos aparelhos eletronicos e das redes sociais... e esta semana por mais dolorosa que tenha sido foi maravilhosamente calma, em familia, mais tempo com os miudos e muito mais rendimento a nivel de produtividade e organização.

Diário de uma blogger Fit... só que não!

Será que vou conseguir tornar fit como quero... depois dos 42 vou conseguir? Claro que sim pela minh

Ana Gomes
22
Set22

Bem aqui vai começar um diário ou algo do género de alguém que se quer tornar fit por questões de saúde e bem estar. Não pensei que é porque é moda... é mesmo porque preciso de perder peso e pela minha saúde já que na familia tenho familiares diretos com diabetes, cancros e afins! Vamos lá prevenir tudo o que seja possivel com o fitness e o resto com a ajuda da medicina. 

Ora bem, iniciei-me no exercicio em casa, mas sinceramente não acho que me esteja a fazer nada já que saio de lá como nova, sem dores, sem cansaço... ou não faço em condições ou então a minha forma fisica para além de redonda continua em boa forma. Talvez continue em boa forma já que caminho imenso, principalmente ao fim de semana no paraíso. 

Mas pronto vou esforçar-me mais... muito mais! PROMETO! 

Depois descobri uma empresa de smothies e bowls saudáveis... e estive a ler... revi para que serviam e sim realmente combina comigo logo de manhã um smothie sabe mesmo bem principalmente naqueles dias em que não tenho tempo sequer de tomar pequeno almoço. Há smothies para a imunidade, colagénio, vitamina c um pouco de tudo. 

Não posso dar opinião a 100% porque ainda só tomei 2, digo-vos que adorei o segundo o primeiro apanhou-me de surpresa já que continha pimenta caiena... bebe-se mas não é assim aquela coisa. 

Agora estou à espera dos bowls que me vão dar imenso jeito na primeira semana de outubro já que vou ter de andar a correr para ir buscar os meus filhos já que a minha mãe estará de férias... a avó também merece! 

Bem esta é a primeira página do meu diário de uma blogger fit... só que não! mais virão... pode não ser diariamente mas espero começar a vir aqui regularmente para vos deixar actualizações.

Bye Bye meus fits

Não morri ainda cá estou...

Ana Gomes
02
Set22

Parece incrivel mas ainda cá estou! 

Deixei o blog por uns tempos até porque a inspiração é nenhuma, a vontade não ajuda e o tempo não é muito! 

Deixei de escrever, deixei de ler os outros blogs. Quem conheci por aqui mantenho contacto pelas outras redes sociais.

Mas hoje decidi cá passar primeiro porque tinha um comentário que tinha de responder e segundo para matar saudades e ver quem por cá anda ainda!

Pois bem como já passei e já vi agora vou voltar ao trabalho que isto desde inicio de 2020 anda um pandemónio! 

Fiquem bem! 

Tenho tanto para organizar e sabem que mais?

Ana Gomes
17
Fev22

...a vontade é nenhuma! 

Tenho um belo escritório que neste momento está transformado num estaleiro... literalmente parece um estaleiro!

Aquele belo escritório que transformei entre 2017/2018 

 

num belo escritório e depois no meu espaço de costura neste momento parece uma arrecadação para onde atiramos tudo! 

Qual a vontade de ir arrumar e organizar? NENHUMA!

Mas tenho que o voltar a organizar nem que seja um bocadinho por dia... agora para além do espaço para costura do lado oposto tenho outra secretária onde tenho tudo o que preciso para os meus crafts. 

Tenho que arranjar maneira de dar a volta aquela tralha toda, o móvel das pastas está fora de questão move-lo é impensável tal feito... mas os moveis e o estirador eu vou conseguir arranjar maneira de dar a volta aquilo! 

Esperem até eu ganhar coragem e tirar fotos do antes e do depois. 

Fica aqui a promessa pode demorar anos mas vou cumprir.

 

Em qual vaga vamos?

Ana Gomes
16
Fev22

Isto de estarmos em pandemia há 2 anos já me fez perder a contagem de vagas pelas quais já passamos. 

Ouço a toda a hora dizer "eu estive com covid na primeira vaga e apanhei de novo na terceira!" eu fico a pensar, mas qual a vaga que vamos agora? Quinta? Sexta?            

Sinceramente, eu ainda não apanhei COVID, quer dizer... ou tenho muita sorte e ando a passar pelos pingos da chuva ou então tive e nem sei... é mais provável. Digo que é provável porque quando tudo isto apareceu, no final do ano 2020 tive em contacto com 3 casos de COVID os meus 2 irmãos e um funcionário que esteve mesmo mal e ficou um mês de isolamento. 

E eu? Bem eu... a mim cheira-me que nessa altura inícios de outubro feriado do 5 de outubro fim de semana prolongado, restrições de circulação acabamos por ficar em casa e não ir para a aldeia. 

Foi daqueles finais de semana de sofá a ver séries e filmes. Passei ali uns dias com umas dores de cabeça e algumas dores musculares na zona das costas... desvalorizei. 

No mês de Novembro finais ficou a minha irmã... 10 dias depois de estar com ela decidi fazer em casa um teste serologico para saber se estava positiva... qual o meu espanto o resultado que deu foi que tinha anticorpos! Como? 

Até hoje não consigo explicar o facto de nenhuma de nós os 4 lá em casa ter apanhado... os miúdos nas escolas é o que se ve e houve uma altura acerca de uma mês atrás que o mais novo testava 1x por semana porque apareciam casos uns atrás dos outros. O mais velho nas escolas eles nem avisam quem tem, quantos faltam na sala, não mandam ninguém testar. Pode ser que se crie a imunidade de grupo. 

Aqui na empresa também temos tido alguns casos um dos quais já vais na segunda vez infetado.

Por isso vos digo ou tenho muita sorte mesmo e passo nos pingos da chuva, ou estou imune e não sei bem como porque me parece pouco provável, ou então o bicho já passou pelos 4 e ninguém deu por ela.

Costumo dizer... traste ruim não tem desvio.

Parece que fico desnorteada

Ana Gomes
31
Jan22

Decidimos que este final de semana não iriamos para a aldeia, primeiro por causa de votarmos no domingo e não termos de vir a correr e depois porque não sabiamos o resultado do teste COVID do mais novo. Sim andamos nisto de testar por causa da escola todas as semanas. Até ao momento sempre negativo mas não me acredito que seja por muito tempo, um dia calhará a cada um de nós! 

Mas para mim ficar em casa, num apartamento sem jardim, só pequenas varandas faz-me alguma confusão para quem em 2 anos já se habituou a viajar todas as sextas para a aldeia e só voltar ao fim do dia de domingo. O facto de poder andar no jardim, apanhar sol sem ser numa varanda, ouvir passáros em vez de carros isso tudo me relaxa e deixa calma, sem isso fico quase desnorteada. 

Ficar em casa fechada pareço uma barata tonta sem saber bem o que fazer, apesar de saber que tenho imenso que posso fazer e arrumar, mas não sei parece que entro em depressão e deito-me no sofá só me levantando para tratar das refeições. 

O próximo final de semana vai ser mais um no apartamente, testagem COVID a mim e ao mais novo para as doses de reforço da vacina e depois fechados em casa! 

Tenho de pensar em programar qualquer coisa para fazer e não passar o fim de semana sentada no sofá a devorar séries e filmes. 

Acho que vou tentar organizar o meu escritório, este final de semana organizei o meu despenseiro e o armário das caixas de cozinha! Acho que está na hora de me virar para o escritório.

A ver se consigo fazer um cantinho de jogos para os miudos a ver se eles não passam a vida na sala a jogar PS5 e nós a olharmos para eles e assim podermos assistir a TV a ver se consigo um espacinho para a TV e para a PS.

Doar metade dos livros que lá tenho, organizar as pastas de arquivo e ver se finalmente limpo aquele sofá de todas as tralhas que lá estão.

Tudo isto se não me der a preguiça claro! 

 

Ter um cão

Ana Gomes
24
Jan22

Sinceramente vou começar por vos dizer que já não sabia o que era ter um cão dentro de casa há mais de 6 anos.

Ainda nãos e ouvia muito a falar sobre COVID e os pequenos passavam a vida a chatear que queriam um Pug. Sinceramente nunca adorei a raça, são daqueles cães que acho estranhos, feios. 

Entrei com o mais novo na loja de animais ao pé de casa a qual vamos regularmente e estão lá Pugs... sai-me um "cão tão feio parece que levou com uma porta na cara!"

O funcionário que passava pegou num e deu-me para o meu colo... derreti... o bichinho encostou-se ao meu pescoço. Não resisiti e trouxe o raio de cão.

Passaram 2 anos e o cão é uma paz de alma... adora brincar com o meu filho mais novo que é o que mais o aborrece... e adora dormir em cima da manta quando estou no sofá. Só há um senão, é quando vamos para a aldeia ele acordar-me às 5h da manhã para ir ao jardim fazer xixi... ninguém merece. 

Comecei-o a habituar a ficar solto em casa quando saimos para o trabalho, nos primeiros dias tivemos algumas surpresas mas agora porta-se lindamente. 

Já não me lembrava mesmo de como era ter um cão que parece a minha sombra. 

Aqui fica fotos dele! 

 

 

2022 que venha ele

Ana Gomes
10
Dez21

Sei que ainda nem chegamos ao Natal, mas sim vou já falar-vos da passagem de ano! 

Este ano como aconteceu o ano passado vou até à aldeia o meu paraíso! 

Quero ver se pelo menos descanso uma semana já que vou fazer essa semana de férias, sei que será impossivel com miudos, almoços e jantares para fazer mas pelo menos tento! 

Tenho intenção de fazer a passagem de ano só para nós os 4, podermos jantar em família, podermos jogar jogos de tabuleiro, o jogo do STOP e acabar a noite no silêncio do monte sem que ninguém nos aborreça! 

Mortinha que chegue esse dia de sumir da cidade! 
Desculpem-me esta vontade mas quero mesmo é fugir deste reboliço, quero não ter horas para nada, quero poder estar sentada no sofá sem ter que pensar em responsabilidades! 

Agora desejo é que venha um 2022 melhor que todos estes anos anteriores e que finalmente as coisas melhorem porque desde 2019, a perda do meu pai quando tudo melhorou... 2020 pregou-nos a rasteira de trazer o bicho e nos tirar a liberdade que tomavamos como garantida! 

 

Desejo-vos a todos umas Boas Festas e agora, em principio só me aturar em 2022! 

Só faltam 6

Ana Gomes
08
Dez21

A minha produção de canecas para oferecer está a chegar ao fim! 

Finalmente faltam-me 6 canecas para começar a armar-me em Pai Natal e começar a distribuir as coisinhas pelas casas! 

Já não consigo ver aquele escritório naquele pandemónio de papeis, caixas de cartão, canecas e presentes para embrulhar! 

Vai ser hoje que vou terminar tudo... hoje feriado vou ser mais rapida que os duendes do pai natal a embrulhar presentes! 

Presentes de Natal 2021

Ana Gomes
25
Nov21

Não parece meu... eu sei que por esta altura eu já teria o meu escritório em volto de papeis de natal e presentes por todos os lados, mas não... este ano ainda não. 

O que acontece... eu já tenho realmente as prendas de todos os familiares, os cabazes para os tios e afins... falta mesmo a minha produção de canecas personalizadas. 

Isto realmente aborrece-me porque cada caneca pode chegar a demorar 40 minutos em produção desde o design até ao produto final. 

Estive a fazer contas e tenho 34 canecas para fazer! 

Vou passar 1360 minutos da minha vida a produzir canecas! Pronto são só 22 horas e uns trocos!